Para Enfeitar a Vida

21 de outubro de 2014 , In: Desabafos, Relatos , With: No Comments
0
Dia cheio. Acordar cedo, levar filhos para a escola, ir para o trabalho, pegar filhos na escola, deixá-los em casa, almoçar com eles :), voltar para o trabalho, ir para o curso de inglês, depois ao supermercado e encontrá-lo fechado (feriado dia dos comerciários), abastecer o carro, parar na loja de conveniência (com padaria) para garantir o café da manhã fresquinho de amanhã. Finalmente, chegar em casa. Exausta.

 

Avistar do corredor uma decoração super graciosa feita pelos meus filhos para me recepcionar na porta do meu quarto… Todo o meu cansaço foi embora e eu me comovi. Eles nem sabiam do meu dia difícil, não queriam pedir nada, só queriam me fazer feliz. Chorei de amor. ❤️

 

 

Bexigas, fitinhas, (muitas fitinhas! rsrs), adesivos de flores para enfeitar a cordinha de fitas, ligando a porta do quarto à porta do banheiro, um caminho de CDs, DVDs, um peso de porta, um cavalinho de brinquedo e algumas fotos, tudo milimetricamente alinhado abaixo da cordinha de fitas!

 

 

É muita fofice, é muito carinho, é a vida mostrando o quão generosa pode ser quando a recíproca é verdadeira. A gente alimenta o carinho e nem pode imaginar que ele retorne com força tão incrível, guiado por mãos tão pequeninas e generosas.

 

 

Filhos realmente são surpreendentes! Ser mãe é a tarefa mais corajosa e deliciosa do mundo. Porque em meio a tantas incertezas, a gente continua em frente, o nosso amor não pestaneja. Ele nos guia pela intuição, pela vontade de dar carinho e sempre nos mostra caminhos gratificantes.

 

 

A gente faz isso porque nos realiza, nos faz feliz vê-los sorrindo e crescendo saudáveis. É uma projeção da nossa própria felicidade que só quem é mãe vai poder entender a vera. Diferente do que muitos pensam, pra mim, amor de mãe não é sacrifício. É puro prazer. É êxtase. É delírio. É paz. É euforia. É plenitude.

 

 

Pensar que somos responsáveis por apresentá-los ao mundo, mostrar os caminhos, ensinar valores para que eles possam discernir os rumos a seguir, dar amor acima de tudo. Isso faz parte do nosso papel de mãe. A gente só não imagina a repercussão que isso gera na cabecinha e no coração das nossas crianças. É a relação de confiança, de cumplicidade, de amor, é o esteio necessário para a criança crescer segura, pra se arriscar e saber que será acolhida no seu retorno.

 

 

Não tem um só dia que eu não me surpreenda com as manifestações de amor dos meus filhos. Cada uma delas alimenta ainda mais o meu amor e movimenta a engrenagem dessa relação. Eu me comovo em sentir que o amor que eu recebo é ainda infinitamente maior do que aquele que eu dou. Pois é um retorno tão inocente, generoso, natural, descompromissado, sincero e intenso. É a ideia pura de dar amor e agradecer aqueles que te importam.

 

 

Receber o amor dos nossos filhos é o nosso melhor presente! Pensar que os nossos filhos se preocupam com a gente e dedicam o tempo deles só para nos fazer uma linda surpresa, enche o nosso coração e enfeita a nossa vida de amor!!

 

 

#filhoétudodebom
Sem Comentáros... Por enquanto...

ESCREVA UM COMENTÁRIO

 

Nascida em Itabuna, signo de Peixes. Formada em Relações Públicas, mas Educadora de construção e coração. Amo minha família e minha ocupação favorita é SER MÃE. Amo os livros! Sonho em ter uma Livraria ou uma ONG para animais abandonados. Cheia de ideias, criatividade não me falta, sou exagerada, falo muito. Faço meditação para conversar com Deus!

 

Continue Lendo

@cirandacontada

Anuncie!